Economizar dinheiro: quanto você deve poupar para comprar sua casa própria?


Comprar a casa própria é o sonho de muitos brasileiros. Entretanto, para fazer isso, sem se endividar, o primeiro passo é economizar dinheiro.

Mesmo se você optar pelo financiamento, é importante ter algum dinheiro guardado. Isso porque os financiamentos costumam cobrir apenas 80% do valor do imóvel.

Nesse texto vamos mostrar algumas dicas para te ajudar a economizar dinheiro para comprar sua casa própria.

O ideal é que você guarde 30% do seu orçamento para a compra da casa própria. Se você seguir as nossas dicas, vai ver que pode ser bem fácil.

Planejamento

Planeje os seus gastos. Coloque no papel o que você ganha e o que gasta (coloque todas as contas, desde água, luz, até a cervejinha do final de semana).

Assim, fica mais fácil para você determinar um valor que consegue guardar sem passar aperto no fim do mês.

Separe o dinheiro direto da fonte

A primeira coisa que você precisa fazer quando receber seu salário é separar o dinheiro para guardar.

Com isso, você não corre o risco de gastar mais do que planejou e acabar guardando menos dinheiro. Lembre-se, disciplina é fundamental!

Além disso, você já fica acostumado a ter um corte no salário. O que vai acontecer quando começar a pagar as parcelas do financiamento.

Se você está se perguntando onde colocar o dinheiro guardado, aqui vai algumas opções:

— Poupança: investimento muito popular, mas com rendimento muito baixo. Sua vantagem é que você sempre terá o dinheiro na mão quando precisar sacar.

— Consórcio: o consórcio é um dos modelos mais estáveis. Na assinatura do contrato você já sabe quanto vai pagar por mês e por quanto tempo. Além disso, não existe a cobrança de juros em consórcios. A desvantagem é que você só poderá ter acesso ao valor do imóvel no fim do contrato.

— Investimentos de Renda Fixa: são parecidos com a poupança, mas rendem mais. Existem várias modalidades no mercado, sendo que, em algumas delas o dinheiro precisa ficar investido por um período mínimo antes de ser sacado.

Nesse caso, fique atento para escolher o que melhor combina com o seu perfil e seu orçamento.

Lembre-se dos gastos extras

Além do dinheiro do imóvel, comprar uma casa envolve outros gastos, como as taxas do contrato, seguro e a transferência da escritura.

Lembre-se de incluir esses gastos no cálculo do seu planejamento.

Corte gastos

A forma mais simples de economizar dinheiro é deixar de gastar. Por isso, durante o período que estiver economizando ou pagando o financiamento da casa própria corte alguns gastos.

Por exemplo, TV a cabo, baladas, fast-food e as compras feitas por impulso.

Cancele o cartão de crédito

Os juros do cartão de crédito são um dos maiores responsáveis pelo endividamento da população. A forma mais simples de se livrar desse risco é cancelar o cartão de crédito.

Sem o cartão, as chances de se fazer compras por impulso ou investir valores que não se encaixam no seu orçamento para comprar são zero.

Isso ajuda a manter as contas no azul.

Ficou com mais alguma dúvida ou quer fazer uma simulação sem compromisso para saber o quanto precisaria economizar e se planejar para comprar a sua casa? Ligue ou mande um zap para 4003-5003 que um consultor Echer vai te ajudar, quem sabe a oportunidade está mais próxima do que imagina!


Artigos relacionados
0 Comentários 21-07-2021 Eva Da Echer
Dívidas: como sair do vermelho e terminar 2021 no positivo

Manter a vida financeira no positivo é a meta de qualquer pessoa, física ou jurídica, que busca a organização...

Leia mais>>

0 Comentários 16-07-2021 Eva Da Echer
4 aplicativos para ajudar no seu controle financeiro pessoal

Está com problemas em realizar controle financeiro pessoal? Não se preocupe, pois, há alguns aplicativos que...

Leia mais>>


Comentários: